Mundo Artístico

Assuntos diversos ligados à arte, aos artistas, e suas diversas categorias estarão neste espaço. Clique nos itens abaixo e fique por dentro das novidades.

Ex-companheira de Gugu recorre por herança e família dele reage em comunicado nesta sexta-feira, dia 20 de dezembro de 2019

Ex-companheira de Gugu recorre por herança e família dele reage em comunicado nesta sexta-feira, dia 20 de dezembro de 2019 Rose Miriam Di Matteo conversou com o jornal ‘Folha de São Paulo’ sobre o direito de ser reconhecida como herdeira: ‘Há pessoas que não querem aceitar a minha união estável com Gugu. Nós sempre fomos uma família. Marido e mulher, mãe e pai de três filhos’. Posteriormente, a mãe e os irmãos do Gugu se posicionaram: ‘A entrevista pegou a todos de surpresa, visto que hoje (20/12) completa apenas um mês desde o acidente sofrido por Gugu Liberato em sua casa em Orlando’

O destino da herança de Gugu Liberato está no centro de uma questão judicial: em seu testamento, o apresentador deixou, de acordo com familiares, a quantia ‘em quase sua totalidade os seus três filhos, João Augusto, Marina e Sofia’. Entretanto, Rose Miriam Di Matteo, ex-companheira do apresentador foi à Justiça para ser reconhecida como herdeira. “Está parecendo que é uma briga. Mas não é. Eu tenho todo o direito de me colocar no meu lugar – infelizmente, na condição de viúva. A própria família dele estava cansada de nos ver juntos, há 19 anos. Eu chamava ele de anjo. Nunca tive outro homem a não ser ele. Há pessoas que não querem aceitar a minha união estável com Gugu. Nós sempre fomos uma família. Marido e mulher, mãe e pai de três filhos”, declarou a médica ao jornal “Folha de São Paulo” nesta quinta-feira (20).

Rose afirma não querer dinheiro: ‘Nada para mim’

À publicação, a médica – apoiada por fãs do artista após o velório – completou: “Já está tudo no nome dos filhos. Como o Gugu queria. Não quero nada para mim. É tudo deles. Eu só vou viver de usufruto para poder me manter”. Em comunicado, a mãe do artista homenageado no especial “Família Record”, Maria do Céu Liberato, e os irmãos Amandio e Aparecida Liberato reagiram às novas declarações de Rose. “A entrevista pegou a todos de surpresa, visto que hoje (20/12) completa apenas um mês desde o acidente sofrido por Gugu Liberato em sua casa em Orlando, na Flórida. Nenhum familiar de Gugu sabia que Rose Miriam estava no Brasil. Para todos, ela estava em casa, ao lado dos filhos, oferecendo todo apoio necessário”.

Família lamenta viagem de Rose ao Brasil: ‘3 filhos terem ficado sem a mãe’

Rose Miriam ainda comentou o estado dos três filhos: “As crianças estão muito abaladas porque eles viram o pai morrendo no chão. Foi trágico. Ele faleceu nos meus braços praticamente. O Gugu morreu na nossa casa. As crianças estão muito abaladas porque eles viram o pai morrendo no chão. Foi trágico. Ele faleceu nos meus braços praticamente”. Tal declaração, aliás, foi citada pela família de Gugu: “O que causa extremo espanto à mãe e irmãos de Gugu, e é considerado o problema maior e inadmissível, é o fato dos três filhos terem ficado nos EUA sem a mãe ou qualquer parente, principalmente num momento como este quando, segundo a própria Rose Miriam declarou ‘as crianças estão muito abaladas’. Ainda mais sério e triste é o fato dos filhos de Gugu, João Augusto, Marina e Sofia também desconhecerem o paradeiro da mãe. Rose Miriam saiu de casa na segunda-feira (16/12) sem comunicar a ninguém sobre sua viagem, deixando apenas uma mensagem de whatsapp, informando a um funcionário que iria para um retiro e retornaria na quarta-feira (18/12). Até a presente data ela não voltou para casa.

Exposição de decisão judicial é comentada por familiares: ‘Momento de dor’

Os irmãos e a mãe de Gugu, por fim, lamentaram que tais detalhes sobre a divisão dos bens dele ficasse em tamanha evidência. “Nossa prioridade é o bem-estar e segurança dos filhos, João Augusto de 18 anos, Marina e Sofia, de 15 anos. Neste momento de extrema dor isso é absurdo. Qualquer informação sobre a herança dos filhos, deveria ser discutida somente com eles. Trata-se de um assunto familiar e existe sigilo judicial visando a proteção dos menores. Não temos nada mais a declarar”, finalizava a nota. 20 dezembro 2019 – 19h05

Nascimento: 10 de abri de 1959 MORTE: 22/11/2-19

Profissão: apresentador

Antônio Augusto de Moraes Liberato, conhecido pelo público como Gugu, foi um apresentador de TV que iniciou a carreira com apenas 14 anos, como assistente de produção dos programas apresentados por Silvio Santos na Globo e na extinta TV Tupi. Em 20 de novembro de 2019, sofre um acidente em sua casa em Orlando (EUA) ao cair de uma altura de 4 metros quando tentava consertar o ar condicionado instalado no sótão. Gugu teria sua morte confirmada, aos 60 anos, dois dias depois.

Filho de caminhoneiro com lavadeira, Gugu cursou faculdade de Odontologia na cidade de Marília, em São Paulo, mas logo largou o curso e voltou para a TV. Acumulu diversas funções como repórter do informativo “Semana do Presidente”, já no SBT. Em 1981, ganha seu primeiro programa: o “Sessão Premiada”, no qual distribuía prêmios nos intervalos dos filmes exibidos pela emissora paulista.

Em 1982, Silvio Santos procurou a diretora argentina Nelly Raymond e pediu que criasse um programa para ser exibido nas noites de sábados. Foi quando surgiu o “Viva a Noite”. Após algumas mudanças no formato, que era dividido entre vários apresentadores, Gugu permaneceu no comando da atração sozinho.

Ele chegou a assinar contrato com a TV Globo em 1987, mas Silvio Santos interveio nas negociações diretamente com Roberto Marinho, dono da emissora carioca, para pedir a liberação do apresentador para permanecer no quadro SBT. Como estava prestes a se submeter a uma cirurgia, o dono do SBT fez uma proposta irrecusável a Gugu e ofereceu grande parte da programação dominical, além de um salário dez vezes maior incluindo ganhos com publicidade.

A estreia de Gugu nos domingos do SBT aconteceu em abril de 1988 à frente das atrações “Passa ou Repassa” e “Cidade Contra Cidade”. Depois, viriam outras atrações como “Corrida Maluca”, “TV Animal”, “Big Domingo”, “Programa de Vídeos” e “Nações Unidas”.

Paralelamente aos programas de domingo, ele se manteve no ar nas noites de sábado. Em 1991, lançou o “Sabadão Sertanejo”, que com o passar dos anos teve algumas mudanças de título até se chamar somente “Sabadão”. O maior sucesso da carreira foi o “Domingo Legal”, estreado em 1993 e que ultrapassava os 40 pontos de audiência no começo dos anos 2000.

Gugu também investiu na carreira musical lançando diversos discos, o último “Gugu Para Crianças”. Foi ainda personagem de histórias em quadrinhos e teve uma vasta linha de brinquedos com seu nome.

Ao mesmo tempo, assinou colunas em revistas e jornais como “Contigo!”, “Amiga” e “O Dia”. Participou também de filmes ao lado de Pedro de Lara, Os Trapalhões, Xuxa e Angélica. Ganhou 11 Troféus Imprensa, incluindo estatuetas de Melhor Apresentador, Revelação do Ano e Programa Sertanejo.

Em junho de 2009, Gugu Liberato deixou o SBT e assinou contrato de oito anos com a Rede Record, onde passou a apresentar aos domingos o “Programa do Gugu”. Em fevereiro de 2015, estreia um novo programa intitulado apenas “Gugu”. A atração tem como objetivo mesclar quadros de sucesso da carreira do apresentador, entrevistas e competições entre personalidades.

Em abril de 2018, o apresentador passou a comandar o reality show “Power Couple Brasil”, um programa de competição entre casais. E em julho do mesmo ano, ele estrou o reality musical “Canta Comigo”.

Na vida pessoal, foi namorado das suas então assistentes de palco Marriette, Silvinha e Alessandra Scatenna. No começo de 2001, retoma a relação com a médica Rose Miriam. Em 10 de novembro daquele ano nasceu o primeiro filho do casal, João Augusto. E em 25 de dezembro de 2003, as gêmeas Marina e Sofia.